Tamanho da Fonte
  • P
  • M
  • G

HomeRevista Hoss


EDIÇÃO JANEIRO 2014

Obras

Expansão da Sakura em Goiás


cidade de Ouvidor (Goiás), a Sakura ampliou a área de produção local e também construiu um centro de distribuição para mercadorias das outras três fábricas (São Paulo, Presidente Prudente e Boituva), um pequeno depósito e um banheiro para os motoristas. “Por se tratar de uma empresa alimentícia, um dos principais cuidados foi projetar uma estrutura que não permitisse a entrada de insetos e pássaros, levando-se em conta o processo de higienização”, revela o engenheiro Claudio Yutaka Sato, responsável pela obra. Ele comenta que um grande desafio foi superar a dificuldade de aquisição de materiais, por causa da distância dos grandes centros urbanos.


A Sakura é uma empresa brasileira que surgiu há 70 anos, com foco inicial em um mercado consumidor formado por imigrantes japoneses que não encontravam aqui os produtos aos quais estavam acostumados no Japão. A cerimônia de inauguração foi no dia 4 de novembro de 2013 e contou com a presença de autoridades locais como o governador de Goiás, os prefeitos de Ouvidor e de Catalão e vereadores dos dois municípios

Ampliação da TRBR

O desenvolvimento da linha de injeção e de pintura da TRBR (fornecedora de autopeças para a Toyota em Santa Bárbara D´Oeste) não foi uma obra de grandes proporções, mas demandou certos cuidados na execução, já que todo o trabalho foi feito com a empresa em plena atividade em uma área já existente ao lado da nova área. “Foi preciso assegurar que nossa intervenção não fosse sentida na fábrica, evitando que as obras atrapalhassem o funcionamento regular da empresa”, afirma o engenheiro Roberto Hideo Nishikado, responsável pelo projeto. Ele destaca também o perfeito sistema de vedação dos rufos no telhado translúcido, que garantiu que não houvesse goteiras na obra.


A entrega foi no dia 14 de novembro, com a presença de Paulo Sugai, Alexandre Iwamoto, Roberto Hideo Nishikado, Masahiro Fujita, Renan Escanhola, Mamoru Otaki, Roberto Aikawa e Luiz Mizoguchi.

Centro de P&D da Honda em Sumaré


A HOSS entregou recentemente o novo centro de operações da Honda Automóveis do Brasil, construído no complexo industrial de Sumaré (SP). Os quatro blocos de edifícios centralizarão as atividades de pesquisa e de desenvolvimento, abrigando em um só local laboratórios, oficinas, salas administrativas e de reuniões, pátio de serviços e toda a infraestrutura de apoio. A previsão de ocupação é de 800 funcionários.


“O prazo de execução era muito curto, tendo em vista as características dos prédios, dos acabamentos e das instalações prediais”, conta o engenheiro responsável pela obra Ricardo Kanzato. Ele explica que foi formada uma equipe coesa e comprometida, tanto de funcionários da HOSS, como do pessoal de empreiteiros e fornecedores. Para minimizar a quantidade de mão de obra no local, os processos construtivos foram industrializados com o emprego de soluções como peças prémoldadas de concreto, lajes alveolares protendidas e divisórias em dry wall.